Morada

0_lar-839x283Por de traz daquela montanha construí uma casinha, sem trincos, cercas ou campainha.

Deixei a janela aberta e convidei o sol para entrar, mas ali também são bem vindos o céu, as estrelas e o luar

Não é muito grande mas cabe todo mundo lá,

Um livro, um poema, um amor e até um sabiá.

Se de longe ela parece utopia, chega perto, puxe prosa e fique em boa companhia.

(maria ramos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>